GEF/PNUD

A Região Médio Mearim do Maranhão integra um dos seis Territórios da Cidadania (TCs) contemplados pelo Projeto Bem Diverso, desenvolvido pela ASSEMA. O Bem Diverso é uma iniciativa da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa em parceria com o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento – PNUD e conta com recursos Fundo Global para o Meio Ambiente (Global Environment Facility, GEF).

O projeto tem por objetivo contribuir para a conservação da biodiversidade em paisagens de usos múltiplos por meio de manejo e uso sustentável de PFNM (produto florestal não-madeireiro) e de SAF´s (Sistemas Agroflorestais) com o intuito de assegurar os modos de vida das comunidades tradicionais e de agricultores familiares, proporcionando também a geração de renda e a melhoria da qualidade de vida.

Babaçu – Das 12 espécies de plantas escolhidas para desenvolvimento de boas práticas de extrativismo sustentável pelo projeto está a palmeira de babaçu, no Maranhão, em razão de fatores como a importância para as comunidades rurais, ocorrência, volume colhido e apoio de políticas públicas. Do fruto da palmeira de babaçu são extraídos: óleo e farinha de mesocarpo utilizados na produção de sabonetes, detergentes e cosméticos.    

O projeto Bem Diverso atua diretamente em seis Territórios da Cidadania (TCs) abrangendo três biomas: Ato Acre e Capixaba (AC) e Marajó, no bioma Amazônico; Médio Mearim (MA) e Alto Rio Pardo, no bioma Cerrado; Sobral e Sertão de São Francisco, na Caatinga.